Atenção, motorista! Serviços na sede do Detran-MG deverão ser previamente agendados a partir de segunda-feira

0 Comments

Detran MG – O Departamento Estadual de Trânsito do estado de Minas Gerais tem investido bastante do atendimento eletrônico para poder facilitar a vida de todos os cidadãos que utilizam do serviço e também dos servidores públicos.

Hoje é possível encontrar vários recursos disponíveis no site Detran Minas Gerais e que ajudam a resolvermos as pendências do dia a dia. Os cidadãos devem entrar no site desse órgão público para consultar os recursos disponíveis online antes de procurar o atendimento presencial, economizando tempo e tornando mais seguro.

Alguns recursos ainda não estão disponíveis na internet, mas o Detran está trabalhando para trazer o maior número possível de recursos para facilitar a vida das pessoas. Aqui iremos apresentar alguns recursos disponíveis para que as pessoas tenham conhecimento.

É sempre bom entrar no site para conferir o que podemos consultar, existem muitos cidadãos que ainda procuram os atendimentos presenciais para poder resolver pendências que poderiam ser resolvidas através da internet. Leia o texto abaixo e confira um pouco mais a respeito do Detran e seus serviços e a respeito sobre os recursos online já disponíveis oferecidos pelo Detran MG.

Atente-se aos impostos que devem ser pagos por aqueles que possuem um veículo automotor, entre eles, está o Licenciamento 2019 MG, que caso não seja pago torna o seu veículo inapropriado para circular pelas rodovias.

Detran MG

O DETRAN Minas Gerais é um órgão público responsável por administrar e fiscalizar os assuntos relacionados com o trânsito da respectiva região. Se você tem algum veículo registrado no estado de Minas Gerais, com certeza você vai ter que procurar esse órgão público para regularizar qualquer documentação referente ao mesmo.

A partir do momento em que você consegue resolver as pendências pela internet é possível economizar tempo. Sabemos que os atendimentos presenciais do Detran MG costumam ser cheios e, portanto, demorados. Por esse motivo é importante que você saiba utilizar a internet ao seu favor, só deixe para procurar os atendimentos presenciais quando não tiver jeito de resolver online.

Esse órgão público continua oferecendo o atendimento presencial onde os cidadãos conseguem resolver as pendências. Só indicamos o uso do site para economia de tempo, porque os atendimentos presenciais acabam sendo bem mais demorados e hoje a maioria das pessoas conseguem ter acesso à internet até mesmo pelo celular, o que facilita ainda mais a rotina diária.

Acessando o site do Detran Minas Gerais é possível conferir informações sobre o licenciamento anual, Carteira Nacional de habilitação, consulta de multas e outros recursos relacionados ao veículo. Vale a pena separar um tempo para que você possa analisar todos os recursos disponíveis no site.

Como realizar sua declaração à Receita

0 Comments

O Imposto de Renda 2019 é um tributo que tem que ser pago por todos os cidadãos brasileiros seja ele pessoa física ou pessoa jurídica. O mesmo será obrigado a declarar certa porcentagem a Receita Federal, caso você o seu rendimento tributável fora acima de R$ 28.559,70. Se você recebeu menos que isso, saiba que você está dispensado de realizar a declaração do imposto de renda.

O imposto de renda é um assunto muito importante a ser tratado e muito pesquisado por toda a população brasileira, pelo fato da mesma ser um imposto que financia atividades que organizam a sociedade, e que dão segurança ou que prestam serviços, em termos de saúde, cultura, educação.

Senso assim, fizemos um artigo contendo todas as informações referente ao imposto de renda 2019. Tais como realizar a declaração, cálculo de pagamento e isenção. Por isso se é a primeira vez que você vai realizar a sua declaração, leia atentamente as informações para que você não se atrapalhe na hora que estiver declarando esse tributo.

Declaração Imposto de Renda 2019

Como já foi dito anteriormente na introdução deste artigo, a declaração de imposto de renda trata-se de um tributo no qual será constado todos os seus ganhos regentes ao ano. Esta declaração é um imposto obrigatório para as pessoas físicas “IRPF” e pessoas Jurídicas “IRPJ” que são enquadradas nas seguintes condições:

  • Rendimentos tributáveis – Recebeu rendimentos tributáveis superior a R$ 28.559,70 reais;
  • Rendimentos isentos – Recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente superior a 40 mil reais;
  • Ganhos de capital – Obteve, em qualquer mês, lucro na venda de bens ou direitos sujeitos à incidência de imposto de renda, como imóveis vendidos com lucro;
  • Bolsa de Valores – Realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas comprando ou vendendo;
  • Atividade rural – Obteve receita bruta em valor superior a 142.798,50 reais com atividade rural;
  • Bens e direitos – Tinha, em 31 de dezembro do ano anterior da declaração, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a 300 mil reais.

Se você se enquadra em alguns desses requisitos acima, saiba a seguir de como realizar o cálculo do IRPF 2019 ou pague algum contador para realizar a sua declaração de imposto de renda 2019.

Pois a mesma é de suma importância e evitará que você entre em atrito com a Receita Federal, pois não realizando o pagamento você estará sujeito a multas e dividas. Sendo assim, a partir do momento em que você não declara o seu nome fica com pendências e uma série de problemas pode decorrer a partir disso.

Como fazer o cálculo?

Muitas pessoas ainda têm dúvidas de como realizar o cálculo do imposto de Renda, pelo fato do tributo trabalhar com valores altos, sendo assim muitos pagam para que profissionais da área façam o cálculo e toda a declaração IRPF.

Já outras tentam realizar a declaração anual pelas informações que o próprio site da receita federal disponibiliza. Sendo assim para realizar o cálculo é preciso que você entre no site idg.receita.fazenda.gov.br, ir no setor de Downloads e baixar o aplicativo do IRPF ou do IRPJ. Sabendo que o cálculo é diferente para as pessoas físicas e pessoas jurídicas.

Por isso fique atento na hora de realizar o cálculo, para não se confundir entre pessoa física ou jurídica e nem na hora de colocar os valores certos no programa.

Entenda o que é a Malha Fina da Receita Federal

0 Comments

Quando se fala em declaração de Imposto de Renda (IR), fala-se muito também de Malha Fina. Na última vez em que a Receita Federal apresentou dados históricos de declaração do Imposto de Renda, foi revelado cerca de 500 mil, todos os anos, contribuintes caem na malha fina do IR. Mas o que significa a Malha Fina do IR? A seguir, você saberá a resposta dessa pergunta além de outras informações sobre a Malha Fina do IR.

O que é malha fina afinal de contas?

A Malha Fina é o nome popular de Malha Fiscal da Declaração de Ajuste Anual da Pessoa Física, é a revisão pela qual todas as declarações dos modelos (completo e simplificado) passam. Essa revisão é sistemática e feita de forma eletrônica.  São realizadas – nessa revisão – verificações diversas nos dados da declaração de cada contribuinte, depois são efetuados os devidos cruzamentos de todas as informações com os outros elementos que constam nos sistemas da Secretaria da Receita Federal. Esse é o primeiro processo da Malha Fina do IR.

O processamento eletrônico das informações do Imposto de Renda 2019 é feito logo quando o contribuinte entrega a sua declaração e, assim, dá-se início às sequências de verificações que tem o objetivo de identificar erros de preenchimento na declaração assim como informações que possuem inconsistência, o que pode ser caracterizado como infração à legislação tributária federal. Isso, de fato, é a Malha Fina do IR.

Sendo encontrada alguma irregularidade – dependendo de qual seja – o processamento da declaração é interrompido, e a declaração é encaminhada para uma análise mais detalhada até a solução das irregularidades detectadas. Geralmente, há casos em que é necessário que o contribuinte participe do processo, sendo intimado a apresentar informações e documentos.

Existem algumas regras para que o preenchimento da declaração do IR não apresente erros, o que vai evitar que o contribuinte caia na Malha Fina do IR e na investigação da Receita Federal.  Veja o que você pode fazer para evitar cair na Malha Fina do IR visitando esse link: http://www.portaltributario.com.br/artigos/malhafina.htm que traz todos os detalhes sobre a Malha Fina do IR.