Candidatos às vagas remanescentes devem observar calendário fixado pelo MEC

0 Comments

Você sabia que é possível financiar os seus estudos com o FIES 2019 em algumas instituições de ensino privada? É isso mesmo! Através do FIES 2019, o aluno financia seus estudos e paga somente depois de concluir o curso. No post de hoje, falaremos tudo a respeito desse financiamento. Continue conosco!

Milhares de estudantes brasileiros conseguiram financiar seus estudos através do FIES. Muitos que não tem condições de pagar uma mensalidade integralmente, devido aos valores abusivos cobrados muitas vezes por algumas instituições, podem cursar uma Universidade.

Não deixe de se informar! Todo e qualquer aluno que não tem condições financeiras de pagar a mensalidade pode financiar seus estudos.

E no próximo dia 29 começam as inscrições do FIES fique atento!

Criado em 1999, o FIES tem o objetivo de proporcionar a democratização do ensino. Qualquer um pode conseguir o financiamento, basta estar matriculado em uma instituição de ensino com avaliação positiva no MEC.

A cada ano, novas instituições de ensino se filiam ao programa e ofertam a possibilidade de financiamento.

Como Funciona o Programa?

O FIES 2019 foi criado com o intuito de ajudar os estudantes de baixa renda a ingressarem no Ensino Superior. Através desse programa, os estudantes financiam o valor do curso de forma parcial ou integral.

Para quem precisa de um financiamento estudantil, o FIES é o mais indicado. Sua taxa de juros é a mais baixa do mercado: apenas 6,5% ao ano.

Infelizmente nós sabemos que muitos brasileiros não podem ingressar em uma faculdade por causa dos preços absurdos cobrados em suas mensalidades, então, essa pode ser uma oportunidade para você terminar os seus estudos.

Como se Cadastrar?

O financiamento pode ser realizado em qualquer período do ano, a qualquer momento, basta realizar sua inscrição no site oficial.

O Sistema Informatizado do FIES (SisFIES) é o responsável pelo recebimento dessas inscrições.

Novidades no Programa

O FIES 2019 sempre vem se atualizando para melhorar a oferta desses financiamentos. Em 2019, entrarão em vigor algumas mudanças benéficas para todos os interessados.

Confira quais são elas:

  • Serão efetuados novos contratos de financiamento a todos os estudantes que tiverem renda per capita de até 2 salários mínimos e meio;
  • Surgirão novas vagas para os cursos nas áreas da saúde, engenharia e formação de professores;
  • Cursos superiores com notas 4 e 5 no SINAES ganharão prioridade no financiamento;
  • Haverá mais ofertas de vagas para cursos das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste;
  • Possibilidade de utilização das notas do ENEM para fazer a seleção dos candidatos.

Documentos Necessários

Todos aqueles candidatos que quiserem o financiamento estudantil deverão apresentar uma série de documentos. É importante ressaltar que os bancos fazer a análise socioeconômica dos candidatos.

Confira quais documentos deverão ser apresentados:

  • Documento de identificação com foto: pode ser RG, Identidade Militar, CNH, CTPS, Passaporte emitido no Brasil ou outro documento que garante a identificação da pessoa;
  • Comprovante de residência: documento que comprove aonde você reside que pode ser fatura do cartão de crédito, boletos bancários, contas diversas como gás, aluguel, água, luz, telefone, entre outras;
  • Comprovante de rendimentos: podem variar de acordo com a atividade exercida, já que algumas atividades requerem mais de um comprovante.

Não deixe essa oportunidade escapar das suas mãos. Boa sorte e bons estudos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *